Com apoio da ABRAMET, presidente da AMB recebe título de Cidadania Honorária em Belo Horizonte

O presidente da Associação Médica Brasileira (AMB), Lincoln Lopes Ferreira, recebeu o título de Cidadania Honorária da Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH), em virtude de seu trabalho bem-sucedido a serviço da população brasileira e relevante atuação em favor do interesse coletivo. Durante a solenidade, realizada na última sexta-feira (5), a liderança recebeu o apoio do vice-presidente da Associação Mineira de Medicina do Tráfego (AMMETRA), João Luiz Pimentel, que na ocasião representou o presidente da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), Juarez Molinari.

Conforme enfatizou João Luiz Pimentel, a honraria constitui um merecido reconhecimento ao trabalho prestado por Lincoln Ferreira à frente da AMB. “A participação nessa cerimônia é um privilégio para a Abramet. De caráter acessível e sempre atencioso com todos os colegas, Lincoln é conhecido por sua luta em prol da valorização do trabalho médico. Além disso, tem sido um parceiro cordial em diferentes ações junto à Abramet”, declarou Pimentel.

CLQUE AQUI E CONFIRA NA ÍNTEGRA A CERIMÔNIA

EMOÇÃO – Em seu discurso, Lincoln agradeceu os colegas que lhe inspiram na prática diária e a todos aqueles presentes na cerimônia, além de deixar uma mensagem aos que lhe abriram as portas no decorrer da trajetória profissional.

“Há 42 anos, cheguei aqui e mal sabia da vida. Acho que continuo sabendo pouco, mas ao menos conquistei algum reconhecimento. Saibam que é um reconhecimento recíproco, de muitas pessoas, colegas e amigos. A gestão à frente da AMB me trouxe ensinamentos e desafio. Dentro do que é possível ao ser humano, eu me encontro completamente realizado nesse momento. Só me resta agradecer”, afirmou.

TRAJETÓRIA – Graduado em 1982 pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais, o médico fez residência em Cirurgia Geral no Hospital Alberto Cavalcante. É especialista em Gastrenterologia pela Federação Brasileira de Gastroenterologia e possui MBA em Gestão de Saúde pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Além disso, foi membro fundador e presidente por duas gestões da Sociedade Mineira de Medicina Preventiva e Administração em Saúde. É titular em clínicas cirúrgicas nos Hospitais Belo Horizonte, Socor e Vila da Serra. Na Associação Médica de Minas Gerais (ANMG), integrou a Comissão Estadual de Honorários Médicos e foi diretor de Assuntos do Interior na gestão 2008-2011, além de presidir a instituição por duas gestões consecutivas, entre 2011 e 2017.

“A trajetória política do doutor Lincoln também é reconhecida diante das lutas referentes às condições de trabalho. Durante todos esses anos, sempre buscou soluções para diversas situações enfrentadas pelos profissionais, sejam elas relacionadas à remuneração; vínculos empregatícios; defesa dos direitos; campanhas incisivas por melhorias no plano de cargos, carreiras e vencimentos; e elações com os convênios e planos de saúde. Uma pessoa corajosa, que traduz o sentimento dos médicos brasileiros”, enfatizou o vereador responsável pela indicação ao título, Nilton Rodrigues.